Paracleto.net     Internet
   


Menu


Artigos Espíritas

Áudios em MP3

Textos em PDF

Novidades

Página Inicial Voltar Rodapé da página Avançar Atualizar Facebook do Paracleto Twitter do Paracleto YouTube Contato Imprimir Áudios dos Artigos publicados no Jornal JC Regional de Pirassununga/SP em formato MP3 Artigos publicados no Jornal JC Regional de Pirassununga/SP em formato PDF

Quarta-feira, 17 de Julho de 2019 - Bom dia! - 0:09


Neste mundo não existe nada que seja inútil - 07/01/2012 - Edu Medeiros - Um Amigo do Bem



Nada, absolutamente nada deixa de ter uma função no nosso planeta.

Por mais simples que seja determinada situação ou fato, com certeza para uns irá provocar incômodo e ao mesmo irá produzir alegrias para outros.

Vamos pensar no futebol. Por que será que esse esporte é tão apaixonante para tantas pessoas?

Um dia ganha. Grande alegria, principalmente se a vitória trouxer o título de campeão. Outro dia perde. Surge a melancolia e agrava-se a situação se a derrota foi para o time arqui-rival, porém fica a esperança de no próximo jogo ou no próximo campeonato a vitória mudar de lado.

Será realmente que há alegria só nas vitórias? Claro que para a grande maioria dos que gostam de futebol a resposta será a seguinte: só tem “graça” quando vence.

A vida de cada um de nós não é diferente. Cada dia surge situações que nos trazem alegria, como também há dias em que reina a tristeza ou a melancolia, ressaltando que em tudo podemos e devemos encontrar motivos de alegria, pois o bom senso e a serenidade atestam que a beleza reside na luta e não necessariamente na vitória, portanto as derrotas devem ser vistas também como úteis, incluindo logicamente “as derrotas” pessoais.

Imagine agora uma chuva. Alguns até podem dizer “que tempo ruim", entretanto para muitos a chuva pode amenizar o calor, baixar a poeira e ainda servir como rega para a agricultura.

A utilidade das coisas está intimamente ligada às necessidades de cada um, consequentemente nada é inútil, pois como já afirmado, determinada coisa é ruim para uns, porém essa mesma coisa é excelente para outros.

Se você der de presente uma geladeira para um morador do polo norte, precisamente para um esquimó de nada vai servir para ele, pois o mesmo tem uma geladeira a céu aberto.

Se você der de presente um aquecedor para um morador do deserto, precisamente para um tuaregue de nada vai servir para ele, pois como diz o povo: “no deserto há um sol para cada um”.

Como citado, as necessidades é que apontam e traduzem as reais utilidades de cada coisa, entretanto nenhuma dessas coisas é inútil.

Para que serve um celular de última geração cheio daqueles botões e inúmeras funções? Para determinadas pessoas elas querem apenas que o aparelho efetue e receba ligações telefônicas e o curioso é que com tantos botões fica até difícil atender uma ligação, portanto não é uma real necessidade para essa pessoa, mas garanto que para os mais chegados em tecnologia “é uma mão na roda”.

Falar em algo útil lembra função. Tudo tem uma função em nosso planeta. Até mesmos os vermes têm sua função.

Conta-se uma história de um garoto que quando ia para a escola pegava um atalho no meio de mato e chegava à sala de aula cheio de carrapicho. Passava vários minutos tirando os carrapichos e ficava xingando e perguntando para que existia aquilo. Conta-se ainda que um determinado pesquisador estava contemplando a natureza e viu que dois apenas dois carrapichos grudaram no seu casaco e não saiam. Levou para o laboratório. Viu como eram as garras do carrapicho e assim criou o que hoje chamamos de velcro.

Olhe ao seu redor e reavalie as coisas que julga inútil. Fácil verificar as coisas materiais, não é mesmo?

Será que as situações desagradáveis são exclusivamente inúteis?

Será realmente que aquelas pessoas que as julgamos inúteis não estão promovendo o nosso crescimento de um modo que nos conduza à paciência e ao nosso modo de agir com os outros?

Acreditar na utilidade das coisas, situações e pessoas facilitará a nossa compreensão no sentido de que não há motivos para tristeza, descontentamento ou melancolia.

Edu Medeiros - Um Amigo do Bem, 07/01/2012.

07/01/2012.




Compartilhe esta página com seus amigos nas Redes Sociais

Paracleto - O Consolador prometido por Jesus Cristo
Paracleto - O Consolador prometido por Jesus Cristo




Neste mundo não existe nada que seja inútil - 07/01/2012 - Edu Medeiros - Um Amigo do Bem





Endereço desta página na Internet:

https://www.paracleto.net/artigos/2012.01.07

(Clique aqui para adicionar esta página aos seus favoritos = Control (Ctrl) mais a tecla D)


Nome e versão do Navegador Internet: Desconhecido (other) 0


"A maior caridade que se pode fazer ao Espiritismo é a sua divulgação!" - Emmanuel

"Divulgar o Espiritismo por todos os meios e modos dignos ao alcance, é tarefa prioritária!" - Bezerra de Menezes

"Divulgar, em cada programa de rádio e televisão, ou programas outros de expansão doutrinária, conceitos e páginas das obras do Espiritismo. A base é indispensável para qualquer edificação!" - André Luiz


USE - União das Sociedades Espíritas


Página Inicial Voltar Rodapé da página Avançar Atualizar Facebook do Paracleto Twitter do Paracleto YouTube Contato Imprimir Áudios dos Artigos publicados no Jornal JC Regional de Pirassununga/SP em formato MP3 Artigos publicados no Jornal JC Regional de Pirassununga/SP em formato PDF

FEB - Federação Espírita Brasileira



Obras básicas (Pentateuco do Espiritismo)


O Livro dos Espíritos - Contendo os princípios da Doutrina Espírita sobre a imortalidade da alma, a natureza dos Espíritos e suas relações com os homens, as leis morais, a vida presente, a vida futura e o porvir da humanidade – segundo o ensinamento dos Espíritos superiores, através de diversos médiuns, recebidos e ordenados por Allan Kardec. O Livro dos Médiuns - Contendo os ensinamentos dos Espíritos sobre a teoria de todos os gêneros de manifestações, os meios de comunicação com o Mundo Invisível, o desenvolvimento da mediunidade, as dificuldades e os escolhos que se podem encontrar na prática do Espiritismo. Em continuação de "O Livro dos Espíritos" por Allan Kardec. O Evangelho segundo o Espiritismo - Com a explicação das máximas morais do Cristo em concordância com o Espiritismo e suas aplicações às diversas circunstâncias da vida por Allan Kardec. Fé inabalável só é a que pode encarar a razão, em todas as épocas da Humanidade. Fé raciocinada é o caminho para se entender e vivenciar o Cristo. O Céu e o Inferno - Exame comparado das doutrinas sobre a passagem da vida corporal à vida espiritual, sobre as penalidades e recompensas futuras, sobre os anjos e demônios, sobre as penas, etc., seguido de numerosos exemplos acerca da situação real da alma durante e depois da morte por Allan Kardec. "Por mim mesmo juro - disse o Senhor Deus - que não quero a morte do ímpio, senão que ele se converta, que deixe o mau caminho e que viva". (EZEQUIEL, 33:11). A Gênese - Os milagres e a predições segundo o Espiritismo por Allan Kardec. Na Doutrina Espírita há resultado do ensino coletivo e concordante dos Espíritos. A Ciência é chamada a constituir a Gênese de acordo com as leis da Natureza. Deus prova a sua grandeza e seu poder pela imutabilidade das suas leis e não pela ab-rogação delas. Para Deus, o passado e o futuro são o presente.


www.paracleto.net
Copyright © 2009-2019
[Paracleto - O Consolador prometido por Jesus Cristo]



Sites parceiros

FEB - Federação Espírita Brasileira



Edu Medeiros - Um Amigo do Bem - Copyright © 2000-2019
Edu Medeiros - Um Amigo do Bem
Palestrante Motivacional e Expositor Espírita
Copyright © 2000-2019


(Acompanhe também no Facebook)









Página Inicial Voltar Topo da página Avançar Atualizar Facebook do Paracleto Twitter do Paracleto YouTube Contato Imprimir Áudios dos Artigos publicados no Jornal JC Regional de Pirassununga/SP em formato MP3 Artigos publicados no Jornal JC Regional de Pirassununga/SP em formato PDF

Neste mundo não existe nada que seja inútil - 07/01/2012 - Edu Medeiros - Um Amigo do Bem