Paracleto.net     Internet
   


Menu


Artigos Espíritas

Áudios em MP3

Textos em PDF

Novidades

Página Inicial Voltar Rodapé da página Avançar Atualizar Facebook do Paracleto Twitter do Paracleto YouTube Contato Imprimir Áudios dos Artigos publicados no Jornal JC Regional de Pirassununga/SP em formato MP3 Artigos publicados no Jornal JC Regional de Pirassununga/SP em formato PDF

Quarta-feira, 22 de Maio de 2019 - Bom dia! - 10:09


Amar ao próximo como a ti mesmo - 10/05/2014 - Edu Medeiros - Um Amigo do Bem



O Artigo Espírita desta semana vai abordar um tema com elevado grau de evangelização, e assim ajudar a propagar o Evangelho (Boa Nova) do nosso Amado Mestre Jesus, o Cristo.

Ao se falar de amor ao próximo não há como dissociar (separar) do próprio conceito da Caridade, a qual é entendida como a ação ou o resultado de fazer o Bem a quem necessita.

Ou ainda um sentimento e atitude de apoio aos necessitados, ressaltando que no Cristianismo é uma das virtudes que nos levam a amar a Deus e ao próximo, e não obstante também é a base para uma das máximas do Espiritismo: “Sem Caridade não há salvação”.

Importante enfatizar que na escalada da Evolução Espiritual, depois de se passar pela “Reforma Íntima”, tão difundida pela Doutrina Espírita, que por sinal a classifica como essencial para a própria Evolução Espiritual, e que se converte na capacidade do ser humano em lapidar-se, certamente o indivíduo passa a nutrir pelo próximo um sentimento de amor fraterno.

O exercício desse sentimento de amar ao próximo como a si mesmo é exercitado de modo eficaz quando a pessoa passa a combater o orgulho, a soberba, a vaidade e tantos outros defeitos morais que contrariam os ensinamentos do Mestre, sendo, portanto, um passo importante, pois conduz o indivíduo à reforma interior, tão essencial ao aprimoramento do ser, pois uma vez no caminho da autorreforma, de maneira cabal, fortalecerá o relacionamento com o próximo.

Jesus, o amado Mestre, deixou várias orientações neste sentido: “amar ao próximo como a ti mesmo”, “perdoai ao próximo para que DEUS vos perdoe”, “não julgueis para não serdes julgado”, “aquele que estiver sem um pecado, que atire a primeira pedra”, “perdoai setenta vezes sete”, “pagai o mal com o bem”, e muitos outros mais.

Ele também ensinou a necessidade de reconciliação com os adversários, pois se não for nesta vida atual, de modo inexorável (sem alternativa), será nas vidas seguintes.

Como alguém poderá pedir para abrandar suas próprias faltas, se o próprio não perdoa os outros?

O perdão e a reconciliação com inimigos é muito importante, pois existe uma lei de ação e reação, de causas e efeitos, e, consequentemente, todo mal que se fizer ao próximo, implicará num resgate, vindo daí todos os sofrimentos que se experimentam na Terra toda vez que há transgressão da Lei de Deus.

É necessário procurar sempre ver o lado bom dos semelhantes.

Todo aquele que conseguir amar ao seu próximo como a si mesmo, jamais usará juízos apressados que possam prejudicar seus irmãos.

Então, é de suma importância aprender a perdoar e amar ao próximo.

Perdoar um amigo é dar prova de amizade; perdoar um inimigo é conseguir perdão para si próprio e mostrar que se melhorou no íntimo.

Fica a sugestão para que sejamos indulgentes com as faltas alheias, e passemos a amar a todos indistintamente, pois além de ser prova de evolução espiritual é uma excelente maneira de passar a amar o próximo como a si mesmo.

Afinal de contas, feliz é aquele que pode dizer a cada noite ao deitar-se: “nada tenho contra o meu próximo”.

Edu Medeiros - Um Amigo do Bem, 10/05/2014.




Compartilhe esta página com seus amigos nas Redes Sociais

Paracleto - O Consolador prometido por Jesus Cristo
Paracleto - O Consolador prometido por Jesus Cristo




Amar ao próximo como a ti mesmo - 10/05/2014 - Edu Medeiros - Um Amigo do Bem





Endereço desta página na Internet:

https://www.paracleto.net/artigos/2014.05.10

(Clique aqui para adicionar esta página aos seus favoritos = Control (Ctrl) mais a tecla D)


Nome e versão do Navegador Internet: Desconhecido (other) 0


"A maior caridade que se pode fazer ao Espiritismo é a sua divulgação!" - Emmanuel

"Divulgar o Espiritismo por todos os meios e modos dignos ao alcance, é tarefa prioritária!" - Bezerra de Menezes

"Divulgar, em cada programa de rádio e televisão, ou programas outros de expansão doutrinária, conceitos e páginas das obras do Espiritismo. A base é indispensável para qualquer edificação!" - André Luiz


USE - União das Sociedades Espíritas


Página Inicial Voltar Rodapé da página Avançar Atualizar Facebook do Paracleto Twitter do Paracleto YouTube Contato Imprimir Áudios dos Artigos publicados no Jornal JC Regional de Pirassununga/SP em formato MP3 Artigos publicados no Jornal JC Regional de Pirassununga/SP em formato PDF

FEB - Federação Espírita Brasileira



Obras básicas (Pentateuco do Espiritismo)


O Livro dos Espíritos - Contendo os princípios da Doutrina Espírita sobre a imortalidade da alma, a natureza dos Espíritos e suas relações com os homens, as leis morais, a vida presente, a vida futura e o porvir da humanidade – segundo o ensinamento dos Espíritos superiores, através de diversos médiuns, recebidos e ordenados por Allan Kardec. O Livro dos Médiuns - Contendo os ensinamentos dos Espíritos sobre a teoria de todos os gêneros de manifestações, os meios de comunicação com o Mundo Invisível, o desenvolvimento da mediunidade, as dificuldades e os escolhos que se podem encontrar na prática do Espiritismo. Em continuação de "O Livro dos Espíritos" por Allan Kardec. O Evangelho segundo o Espiritismo - Com a explicação das máximas morais do Cristo em concordância com o Espiritismo e suas aplicações às diversas circunstâncias da vida por Allan Kardec. Fé inabalável só é a que pode encarar a razão, em todas as épocas da Humanidade. Fé raciocinada é o caminho para se entender e vivenciar o Cristo. O Céu e o Inferno - Exame comparado das doutrinas sobre a passagem da vida corporal à vida espiritual, sobre as penalidades e recompensas futuras, sobre os anjos e demônios, sobre as penas, etc., seguido de numerosos exemplos acerca da situação real da alma durante e depois da morte por Allan Kardec. "Por mim mesmo juro - disse o Senhor Deus - que não quero a morte do ímpio, senão que ele se converta, que deixe o mau caminho e que viva". (EZEQUIEL, 33:11). A Gênese - Os milagres e a predições segundo o Espiritismo por Allan Kardec. Na Doutrina Espírita há resultado do ensino coletivo e concordante dos Espíritos. A Ciência é chamada a constituir a Gênese de acordo com as leis da Natureza. Deus prova a sua grandeza e seu poder pela imutabilidade das suas leis e não pela ab-rogação delas. Para Deus, o passado e o futuro são o presente.


www.paracleto.net
Copyright © 2009-2019
[Paracleto - O Consolador prometido por Jesus Cristo]



Sites parceiros

FEB - Federação Espírita Brasileira



Edu Medeiros - Um Amigo do Bem - Copyright © 2000-2019
Edu Medeiros - Um Amigo do Bem
Palestrante Motivacional e Expositor Espírita
Copyright © 2000-2019


(Acompanhe também no Facebook)









Página Inicial Voltar Topo da página Avançar Atualizar Facebook do Paracleto Twitter do Paracleto YouTube Contato Imprimir Áudios dos Artigos publicados no Jornal JC Regional de Pirassununga/SP em formato MP3 Artigos publicados no Jornal JC Regional de Pirassununga/SP em formato PDF

Amar ao próximo como a ti mesmo - 10/05/2014 - Edu Medeiros - Um Amigo do Bem